8 may. 2009

Mamá Mamá

Los Nocheros

Dedicada a todas as mamães no seu dia




Mamãe, mamãe

Ainda sinto tua mão aqui sobre minha testa
Para acalmar minha pena e qualquer dor
Quando preciso de ti sempre estás presente
Meu mundo se transforma ao ouvir a sua voz
Assim foram as coisas desde que eu era criança
A cada interrogante tua palavra ao fim
Dava-me uma resposta sábia
Tua luz me iluminava a alma
E não existiam dúvidas para mim


Mamãe, mamãe
É tanto o que tu me dás
É uma dívida meiga, amorosa, eterna
Impossível de pagar

Mamãe, mamãe
É tanto o que tu me dás
Que não alcançaria
Por ter dez vidas
Para amar-te mais e mais

Às vezes me parece que te sobram braços
Para agasalhar todos no teu coração
Multiplicar-te-ias tanto sem medir o passo
Em vez de só uma, tu és um milhão.

Eu tenho muitas mães para minha fortuna
A que me põe a salvo, a que me dá valor
A que trabalha e deixa marcas
A que nos ilumina com amor

Mamãe, mamãe
É tanto o que tu me dás
É uma dívida meiga, amorosa, eterna
Impossível de pagar


No hay comentarios:

Publicar un comentario

Comente aqui..